sexta-feira

Não Se Vá

segunda-feira

O que faço? Tudo esta igual…


O que faço? Tudo esta igual… 
Suas lembranças me fazem chorar,
 Me esforço para não pensar, 
Mas meu coração vai mal! 
 É grande demais essa paixão. 
Esse amor só sabe me destruir! 
Quero fugir da vida, desta solidão, 
Encontrar um cantinho só para dormir. 
 Quero o silêncio para esquecer sua voz,
 Deixar os lábios mudos, sem dizer nada,
 Já não leio poesia para não pensar em nós.
 Aqui perguntam por você a toda hora… 
Vou dar ordem para não falar seu nome.
 Sinto muito! Preciso colocar um fim agora.

Quero ter seu corpo


Quero ter seu corpo e de prazer me enlouquecer, 
Entregar meu calor, na magia da sua sedução,
 Entre quatro paredes a timidez quero esquecer 
Quero apenas ser a dona do seu coração.
 Queria saber o que sente quando faz poesia. 
Em teus braços, não me sinto triste!
 Quero sentir o cheiro da sua pele macia,
 Sei que está comigo, mas não acredito que existe.
 O relógio do seu quarto me pede para ficar, 
Coloca uma música suave para animar, 
Tira minha roupa para se inspirar. 
 Até parece uma criança na sua inspiração! 
Sem querer, começa na minha pele rabiscar, 
Vejo sua alma apaixonada chorar de emoção!

domingo

BOM DIA


BOM DIA Hummmmm...
 pensando em você! Beijosssss 
 Neste momento, penso em você e então quisera me transformar em vento. 
E se assim fosse, chegaria agora como brisa fresca e tocaria leve sua janela. 
E se você me escuta e me permite entrar, em você vou me enroscar quase sem o tocar. 
Vou roçar nos seus cabelos, soprar mansinho no ouvido, beijar sua boca macia, o embalar no meu carinho 
Mas eu não sou vento... 
Agora sou só pensamento e estou pensando em você. 
E se abrir sua janela, 
eu estou chegando aí, agora... neste momento, em pensamento... no vento.
 Roberto Shinyashiki

quinta-feira


-->

Imagem com Mensagem




https://www.facebook.com/ingre1956

quarta-feira


Google+

Você é o amor


Você é o amor

por quem as nuvens enrubecem, 


as tardes ficam cálidas e os dias com mais calor e brilho.

Desde que você foi gerada tudo o mais teve sentido.

Junto ao próximos sempre foi a igual totalmente desigual, 
fazendo a diferença e proporcionando sempre o equilibrio necessário 
à estabilidade e sentimento presente
Como amor, ama...como amada distribui sempre o amor, afago e calor.
Tuas mãos produzem luz, carinho,ardor e o toque de mágia
Seus olhos brilham, refluem e indicam o caminho para os que dele necessitam
Braços de mãe, menina, amada, amante... 
fortes, frágeis, delicados, mansos...e até atrevidos
mas sempre amparam no momento e ato
...colo sempre sempre pronto para o acolher e ser o sentido da baila
Você é o amor...
sem você...
o sentido das coisas seria falso ou incompleto...
e quem sabe até sem graça,
Rios correm por você, cascatas aplaudem você,
e até a chuva teima em chorar por você
apesar das broncas e ribombos de trovôes e raios impertinentes
ahhhh... quem sabe até estejam festejando você
bendito o criador com seu toque final - 
que trouxe a vida...VOCÊ!!!
Bjuss mil
ACarlos

segunda-feira

Poesia: Depois de Você...


























Depois de Você...

Entendi que a saudades mora,
Junto a outros sentir,
Além da torpe ausência.

Jorge Jacinto da Silva Jr.